Os resultados de algumas investigações levadas a cabo por uma equipa espanhola especializada em dor miofascial, na qual se incluem alguns...

Pontos-gatilho na origem de sintomas e limitações de cervicalgia mecânica





Os resultados de algumas investigações levadas a cabo por uma equipa espanhola especializada em dor miofascial, na qual se incluem alguns dos formadores da área da MASTER, sugerem que pode existir uma relação entre o segmento cervical e o complexo sensório-motor.

Com o intuito de investigar a presença de pontos-gatilho miofasciais activos em mais músculos do que investigações anteriores já haviam estudado e qual a sua relação com a intensidade de dor, a incapacidade e a qualidade do sono na dor mecânica cervical, uma equipa especialista em dor miofascial da Universidade Rei Juan Carlos (Espanha) reuniu 15 pacientes com dor associada a cervicalgia de origem mecânica e comparou os pontos-gatilho do trapézio superior, esternocleidomastóideo, esplénio, semiespinhoso e os músculos escalenos com 12 participantes de controlo,num estudo duplo cego.

Considerados apenas os pontos-gatilho referidos como sintoma familiar, medida a dor e a qualidade de sono através de escalas internacionalmente reconhecidas, constataram que os pacientes com dor por cervicalgia mecânica apresentaram maior número de pontos-gatilho activos, maior incapacidade e pior qualidade de sono do que os indivíduos do grupo de controlo. A equipa concluiu que a dor associada aos pontos-gatilho activos nos músculos do pescoço e ombros contribui para os sintomas de cervicalgia mecânica.

A mesma equipa de investigação, estudou ainda os pontos-gatilho nos músculos mastigadores (masséter e temporal), em 20 pacientes com cervicalgia mecânica e concluiu que quanto mais pontos-gatilho nesses músculos, menor a capacidade de abertura da mandíbula.

Estes resultados podem sugerir uma correlação do segmento cervical para o complexo nuclear trigeminal (complexo sensório-motor).
Gostou o texto? Nos siga nas redes sociais: Instagram, Facebook e Twitter



Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui

Indicação de Cursos de FISIOTERAPIA para mudar sua carreira:

Poste um Comentário

0 comentários:

Faça Fisioterapia